Stress

Stress

Stress

Boletim 740 – por Ap. Claayton Nantes

Estamos chegando ao final de mais um ano, e com ele vem toda a sobrecarga de decisões, problemas, dificuldades, dívidas, cobranças, balanços, retrospectivas, e começam as correrias das “festas e comemorações de fim de ano”. Diante disso, muitas pessoas vão ficando estressadas – o que era para ser um refrigério, descanso, celebração, se torna em um desgaste. Aprenda a descansar, a relaxar e curtir esse tempo.

Há inúmeras pessoas que são cristãs, até ministros e/ou lideres, mas estão debaixo de um cansaço contínuo, definido hoje como SFC – Síndrome da Fadiga Crônica.

Alguns sintomas que indicam que pode estar havendo um stress:

Exaustão: exaustão é maior do que cansaço, qualquer coisa que a pessoa faz já a deixa cansada, a pessoa “já acorda cansada”.

Desânimo: a pessoa simplesmente desanimou de tudo, desanimou da vida. Talvez, por causa de uma perda, a vida tenha parado no tempo, e não haja ânimo nem para as coisas mais simples – lavar, cozinhar, comer. A pessoa acha uma desculpa para não fazer mais nada!

Cinismo: o estafado se torna cínico, pois não crê em mais nada, fica descrente de tudo e de todos; isso pode ser um sintoma de stress.

Irritabilidade: tolerância zero: as crianças irritam, a televisão, o celular, tudo irrita.

Vontade de desistir: “Mataram todo mundo, não ficou ninguém, estou sozinho, e agora estou aqui…” – sentimento de abandono, “síndrome de Elias” (1 Reis 19:10)

Sonolência: uma soneira inexplicável. A pessoa dorme o tempo todo e ainda está com sono. Faz do sono uma fuga.

Insônia: são os dois extremos: uns dormem demais e outros perdem o sono.

Não quer conversar com ninguém: é a falta de comunicação – a pessoa se tranca no mundo dela e quer ficar sozinha.

Perda de humor: quem está estressado perde a graça, perde o humor.

Perda de energia: não tem energia para nada, gerando muitas vezes a perda da fé.

Perda da criatividade: não consegue enxergar nada novo, não tem inovação.

Cai a produtividade: nada rende, o dia passa, e a pessoa não produziu nada.

Enfim, ansiedade, isolamento, perturbação, incredulidade, perda de ideais, perda da visão, perda dos sonhos. Tudo pode ser característico de um desgaste físico, mental, emocional, ou seja, de um stress!

Você não pode carregar mais peso do que consegue. O ser humano tem um limite, e você vai até onde o seu corpo aguenta!

Hoje em dia ouvimos muito as expressões “stress”, “hipertensão”, “estafa”, e tantas outras. Vivemos em uma época de vida agitada, estafada.

Diante dessas situações, alguns ficam deprimidos, e, muitas vezes, surge a vontade de sumir, desaparecer. Mas ir para onde?

Todos esses sintomas me levam a refletir em alguns personagens bíblicos, como Elias, que fugiu para a caverna; Pedro, que queria voltar a pescar, Paulo, que nas masmorras do sofrimento escrevia cartas como forma de terapia pessoal, e também o salmista Davi, que aprendeu a superar a pressão, vencer o stress e se renovar no Senhor.

Davi, aliás, aprendeu a conversar com a própria alma: “Ó minha alma, por que estás abatida?”, e depois ele mesmo chegava à resposta e conclusão: “Espera em Deus, pois ainda o louvarei.” (Salmos 42:11). Em outro momento, ele reitera sua posição: “Elevo os meus olhos para os montes; de onde me virá o socorro? O meu socorro vem do Senhor” (Salmos 121:1-2).

É hora de exercitarmos o que nos ensinou Jesus: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos e eu vos aliviarei.” [Mateus 11:28]

“Não sabes, não ouvistes que o eterno Deus, o Senhor, o Criador dos confins da terra, nem se cansa, nem se fatiga? Não há esquadrinhação do seu entendimento. Dá vigor ao cansado, e multiplica as forças ao que não tem nenhum vigor. Os jovens se cansarão e se fatigarão, e certamente cairão. Mas os que esperam no Senhor renovarão as suas forças e subirão com asas como águias; correrão e não se cansarão; caminharão e não se fatigarão.” [Isaías 40:28-31]

Não se estribe no teu próprio entendimento – a riqueza e a sabedoria vem do Senhor. Descanse e veja o livramento que o Senhor lhe dará. Deus cuida dos lírios do campo, Ele vai cuidar de você também. É Ele quem dá o trabalho, o sustento, a força – é Ele.

O stress faz você esquecer os alvos, os sonhos, os desafios. Quando está estafado você só olha para a sua doença, o seu problema, a sua dor, as traições que você passou. Você não consegue enxergar a vitória, a benção.

Mas aprenda a descansar, curtir a vida, desfrutar dos momentos de comunhão com a família, e viva melhor, aliviando todo stress!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *